Pesquisar este blog

Área Militar

Curta a Fan Page: Martins Concursos

Siga no Twitter

WhatsApp

http://whats.link/apostias

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Cabo que evitou assalto está preso no 2º BPM (JUIZ DE FORA)


(31) 8765-8810 - Facebook: Apostilas Martins


O cabo da Polícia Militar de 34 anos que baleou um rapaz, 22, evitando o roubo de um ônibus do transporte público coletivo, na noite de segunda-feira (3), está detido no 2º Batalhão de Polícia Militar (2ºBPM). De acordo com o assessor de comunicação da unidade policial, tenente Marcelo Alves, após a ocorrência, foi adotado o procedimento padrão, quando há disparo de arma de fogo por parte de um policial durante o serviço. Foi lavrado um auto de prisão em flagrante e realizada a detenção do cabo. 

"Todo o procedimento, que é normal, foi encaminhado à Justiça Militar, permanecendo o policial à disposição desta".
 
Sobre o tempo de permanência do militar na prisão, o assessor disse que ainda será avaliado pela Justiça Militar, mas, durante esse período, o cabo pode receber visita de familiares e de um advogado. O tenente também afirmou que policial detido agiu dentro do cumprimento do dever legal e está recebendo acompanhamento, inclusive psicológico. Um primo do policial contou que, na terça-feira, na hora do almoço, o cabo foi liberado para almoçar em casa, escoltado por outro policial, tendo que retornar, em seguida, ao 2º Batalhão. 
 
"As duas filhas dele choram de saudade. Ele está bem, mas chateado de ficar tanto tempo preso, sendo que a atitude dele foi correta", comentou o primo.
No dia do assalto, o ladrão chegou a lutar com o cabo após roubar mais de R$ 200 do ônibus que seguia do São Judas Tadeu para o Centro. Quando o suspeito teria feito menção de sacar um volume embaixo da blusa, o PM, que estava no veículo, disparou contra a perna dele. Baleado na coxa esquerda, o rapaz acabou detido com a chegada de outros policiais. Os militares descobriram que ele portava, na realidade, um par de chinelos sob a roupa. O dinheiro roubado foi recuperado. 
 
O baleado foi levado para o Hospital de Pronto Socorro (HPS) com fratura exposta no fêmur, permanecendo internado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário