Pesquisar este blog

Área Militar

Curta a Fan Page: Martins Concursos

Siga no Twitter

WhatsApp

http://whats.link/apostias

sábado, 5 de janeiro de 2013

Polícias Militar e Civil deflagram operação no aglomerado da Serra.



 Polícias Militar e Civil deflagram 

operação no aglomerado da Serra.

  Transformando Sonhos em Realidade


(31) 8765-8810 - Facebook: Apostilas Martins

 COMEÇOU DE MADRUGADA

As polícias Militar e Civil deflagraram, na madrugada desta sexta-feira, uma operação no aglomerado do Bairro Serra, em Belo Horizonte, que contou com apoio do Corpo de Bombeiros e do Ministério Público. As atividades foram iniciadas às 4h30, com o cumprimento de oito Mandados de Prisão e de Busca e Apreensão.

Os infratores, que atuam em crimes de homicídios, tráfico de drogas e crimes violentos, foram identificados através de investigação. Um dos objetivos de operações desse tipo é reforçar a manutenção da presença policial no local, o que já vem sendo feito, diuturnamente, pelo Grupo Especializado de Policiamento em Áreas de Risco – Gepar, com apoio do Batalhão de Policiamento de Eventos – BPE e do Grupo de Ações Táticas Especiais - Gate.

A primeira fase da operação integrada, quando foram cumpridos os Mandados de Busca e Apreensão e de Prisão, terminou por volta das 11h. A partir daí, foi iniciado o segundo momento das atividades, com incursões em zonas quentes de criminalidade, batidas em estabelecimentos comerciais e blitze de trânsito.

No período, foram apreendidos, em uma das ruas do aglomerado, envoltos em uma blusa e um carregador de pistola semiautomática 9mm, R$ 2.650,00. No mesmo local, os policiais militares e civis abordaram um menor em uma motocicleta. Com ele, encontraram 10 pinos de cocaína, 21 buchas de maconha e uma porção de crack, que dividida daria aproximadamente 20 pedras.
As ações serviram, ainda, para fazer uma avaliação de locais para a instalação da Área Integrada de Segurança Pública - Aisp, o que será discutido na próxima semana com uma equipe técnica. A unidade policial integrada ficará mais próxima da comunidade para garantir a segurança e a tranqüilidade das pessoas. Com isso, acredita-se no aumento de denúncias pelo número 181 (Disque-Denúncia Unificado).

INTERAÇÃO
A operação ocorreu em virtude dos trabalhos de interação entre as polícias e moradores do aglomerado da Serra, visando solucionar problemas de segurança. Dentro desse processo, foi realizada, no último dia 22, em parceria entre comunidade, Polícia Militar, Polícia Civil e órgãos públicos e privados, uma Ação Cívico Social – Aciso, que ofereceu aos moradores da região atrações culturais, lazer e serviços.
 
As ações de ocupação, presença e busca e apreensão da manhã de hoje foram planejadas pela 1ª Região Integrada de Segurança Pública (1ª Risp), com sede no Comando de Policiamento da Capital – CPC e no 1º Departamento da Polícia Civil, juntamente com o Comando de Policiamento Especializado da Polícia Militar – CPE.
Envolveu, também, batalhões e delegacias de Belo Horizonte. Foram empregados na logística 180 policiais militares e civis, em 35 viaturas de quatro rodas, e sete motopatrulhas, distribuídos em equipes com endereços predefinidos do aglomerado da Serra e imediações.
Participaram, ainda, da operação equipes do Batalhão Rotam, do BPE, das companhias Tático Móvel de unidades do CPC e do Gepar do 22º Batalhão, além do policiamento montado do Regimento de Cavalaria. Na busca por entorpecentes, a Polícia Militar atuou com cães farejadores. Houve, ainda, ações voltadas para o cerco e bloqueio e fiscalização do trânsito, realizadas pelo Batalhão de Trânsito com blitze em pontos estratégicos, no entorno e no interior dos aglomerado
Atividades idênticas à de hoje, que visam a aproximação de polícias, órgãos do governo e comunidade, com manutenção da ordem e da tranquilidade pública, promovendo um ambiente seguro e garantindo melhoria da qualidade de vida para o cidadão de bem, continuarão a ser deflagradas no Bairro Serra e em toda a Belo Horizonte. Contatos: 2123-1805 - Assessoria de Comunicação do 22º BPM. (AF)

Fonte PMMG.


Nenhum comentário:

Postar um comentário