Pesquisar este blog

Área Militar

Curta a Fan Page: Martins Concursos

Siga no Twitter

WhatsApp

http://whats.link/apostias

segunda-feira, 18 de março de 2013

Operação no Aglomerado Serra em BH.

Adolescente é baleado pela polícia durante investigações sobre o tiroteio no aglomerado da Serra.

O militar afirmou que ele estaria armado, mas testemunhas disseram que ele estava apenas sentado na calçada com os amigos e não representava uma ameaça.

Durante as investigações sobre o tiroteio ocorrido na Praça do Cardoso, no bairro Serra, região Centro-Sul da capital, um adolescente de 16 anos foi baleado por um policial militar. Ele foi socorrido e levado para o Hospital de Pronto-Atendimento João XXIII.

Segundo o policial que atirou, o menor estaria armado, porém, testemunhas e moradores do aglomerado da Serra afirmaram que o adolescente estava apenas sentado na calçada comendo um pão que havia acabado de comprar na padaria quando foi baleado na perna.

De acordo com as testemunhas ouvidas pela PM, jovem baleado não estava armado
O comandante de policiamento especializado, coronel Antônio Carvalho, que está no local, confirma a versão das testemunhas. Ele disse que o adolescente estava sendo abordado por um policial militar, quando outro policial chegou e atirou na perna do menor. Os dois militares envolvidos neste caso foram presos e serão ouvidos pela Corregedoria da Polícia Militar.

Entenda o caso

As policias militar e civil estão no local por causa do tiroteio que aconteceu na noite desse domingo (17), durante um baile funk, no qual 12 pessoas foram baleadas, e duas ficaram feridas após serem pisoteadas na hora do pânico causado pelos disparos. Dário Ferreira Leite Neto, 33, morreu ao ser atingido por um tiro.

Três pessoas estão internadas em estado grave no Hospital de Pronto-Atendimento João XXIII, entre elas, um adolescente de 15 anos. Durante o tiroteio, uma criança de seis anos e uma idosa de 71 também foram atingidas pelos disparos.
 
Fonte: Jornal o TEMPO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário