Pesquisar este blog

Área Militar

Curta a Fan Page: Martins Concursos

Siga no Twitter

WhatsApp

http://whats.link/apostias

quarta-feira, 22 de abril de 2020

SAIU! Edital concurso Seplag MG com 40 vagas e salário de R$ 5.451,65


É necessário ter sido aprovado no Exame Nacional do Ensino Médio 2020, para concorrer ao cargo de especialista em políticas públicas e gestão governamental.

A Secretaria de Estado dePlanejamento e Gestão de Minas Gerais (Seplag) abriu edital com 40 vagas para o curso de formação no cargo de especialista em políticas públicas e gestão governamental (EPPGG). É necessário ter sido aprovado no Exame Nacional do Ensino Médio, Enem 2020, para concorrer.


Os ganhos iniciais são de R$ 5.451,65 para jornada semanal de trabalho de 40 horas por semana. O regime de contratação dos servidores será o estatutário que assegura a estabilidade empregatícia aos servidores.

Etapas de seleção
A primeira etapa de seleção dos candidatos será a aprovação no Enem 2020. A segunda fase é a aprovação no curso de graduação em Administração Pública. As aulas serão ministradas pela Escola de Governo Professor Paulo Neves de Carvalho da Fundação João Pinheiro.

Conferido o diploma do curso de graduação em Administração Pública, na segunda etapa do concurso, os candidatos poderão ocupar o cargo de especialista em políticas públicas e gestão governamental.

Inscrições
Os interessados devem se inscrever para realizar o Enem 2020, as inscrições para o exame estarão abertas entre 11 e 22 de maio, pelo portal do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Após isso, os candidatos devem se inscrever para o concurso Seplag MG, pelo página da Fundação CefetMinas, banca organizadora. O período para cadastro é de  1º de julho a 19 de agosto.

Taxa de inscrição no valor de R$ 60, 00 será cobrada (não está incluída a taxa de participação no Enem) O pagamento poderá ser feito até 20 de agosto. Podem solicitar a isenção apenas desempregado, menor aprendiz, ou membro de família de baixa renda, inscrito no programa CadÚnico.

Para mais informações, acesse:



Justiça determina alteração do cronograma do Enem 2020


 Inep adiou as provas digitais e concederá isenção da taxa para os estudantes que perderam o prazo. MEC vai recorrer da decisão.

Na noite ontem, 17 de abril, a Justiça Federal atendeu a ação cível pública da Defensoria Pública da União (DPU) e determinou que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) altere o cronograma do Enem 2020 em razão da pandemia de coronavírus. A decisão é da 12º Vara Cível Federal de São Paulo.
 
A juíza Marisa Claudia Gonçalves Cucio, autora da decisão liminar (provisória), determina que o período para solicitar isenção da taxa de inscrição do Enem, que encerrou nesta sexta-feira, seja prorrogado por 15 dias. Além disso, o Inep terá que adequar o cronograma do Enem à realidade do atual ano letivo.

Em sua decisão, a juíza acatou os argumentos citados pela DPU na ação. Os quatro defensores públicos que assinaram o ofício alegaram que os estudantes que têm direito à gratuidade da taxa do Enem são de baixa renda e muitos não têm acesso à internet em suas casas. Além disso, não podem usar os computadores das escolas e bibliotecas porque as mesmas estão fechadas para promover o isolamento social.

A juíza Marisa Claudia também destacou que os alunos da rede pública não estão assistindo aulas, ao contrário de grande parte dos estudantes de colégios particulares, que têm acesso ao ensino a distância (EaD) e ferramentas eletrônicas de aprendizado.

Apesar da decisão, o prazo para isenção da taxa do Enem 2020 não foi prorrogado e a Advocacia Geral da União (AGU) deve recorrer. Segundo o ministro da Educação, Abraham Weintraub, mais de 3,2 milhões de estudantes solicitaram a isenção da taxa e mais de 2,1 milhões já tiveram o pedido analisado e concedidos. No ano passado, 3,6 milhões de participantes conseguiram o benefício.

Ainda na noite de ontem, o Inep anunciou que irá assegurar a gratuidade da taxa do Enem 2020 para os estudantes que têm direito e não conseguiram solicitar a isenção dentro do prazo. A concessão da gratuidade será dada durante o período de inscrição do Enem, entre 11 e 22 de maio, sem necessidade de solicitação pelo participante.

Têm direito à isenção da taxa do Enem os seguintes estudantes:

-> Que estão no terceiro ano do ensino médio em escolas públicas;

-> Que cursaram todo o ensino médio em escolas públicas ou como bolsista integral na rede privada e tenha renda per capita de até um salário mínimo e meio (Lei Federal nº 12.799/2013); 

-> Inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e que possuem renda familiar de meio salário mínimo por pessoa ou renda familiar total de até três salários mínimos. 

O Inep também adiou para os dias 22 e 29 de novembro as provas do Enem Digital 2020, que estavam marcadas para os dias 11 e 18 de outubro. A intenção é oferecer mais dias de preparação para os estudantes quando as aulas retornarem. Até 100 mil participantes poderão optar pelas provas digitais.

As provas impressas do Enem 2020 continuam agendadas para os dias 1º e 8 de novembro. De acordo com o ministro da Educação, tanto o Enem impresso quanto o digital estão garantidos. "É um ano de desafio, em razão da pandemia de coronavírus. No entanto, não é isso que vai fazer que percamos o ano [...] Não podemos deixar para depois uma geração inteira de médicos, enfermeiros, engenheiros e professores. Não faz sentido”, afirmou Weintraub.


quarta-feira, 15 de abril de 2020

05 Concursos Guarda Municipal: Prefeituras abrem inscrições para 96 vagas Nível médio!


05 Concursos Guarda Municipal: Prefeituras abrem inscrições para 96 vagas de nível médio


Veja as oportunidades abertas para o cargo de guarda municipal pelas Prefeituras de Cachoeira Alta, em Goiás, cinco municípios do Agreste Potiguar, no Rio Grande do Norte, também por Gravatá e Lagoa do Carro, em Pernambuco, e por último pela Prefeitura de Elias Fausto, em São Paulo.

É necessário ter ensino médio completo para tomar posse no cargo e as remunerações são variáveis, veja:

São 6 vagas de início imediato mais cadastro de reserva para guarda civil municipal. A taxa de inscrição é de R$ 56,00. Para concorrer é necessário nível médio completo.
Remuneração: R$ 1.031,00

Inscrições: das 11h do dia 23 de abril às 16h do dia 12 de maio pelo site da EPL Concursos

São 57 vagas para guarda civil municipal distribuídas entre cinco prefeituras da região do Agreste Potiguar: Monte Alegre (8), São José do Mipibu (10), Brejinho (12), Lagoa Salgada (12) e Vera Cruz (15). A jornada de trabalho será de 40 horas semanais, com exceção das vagas de Monte Alegre que serão de 44 horas. O edital é do de nº 001/2020. Taxa de inscrição de R$ 100,00.
Remuneração: R$ 1.045,00
Inscrições: foram reabertas em razão da pandemia de Covid-19 e seguem até dia 11 de maio pelo site da FUNCERN.


Prefeitura de Gravatá PE
São 20 vagas para guarda civil municipal abertas pelo edital n° 01/2020. A taxa de inscrição é de R$ 70,00. A carga horária será de 144 horas mensais e o concurso público terá validade de dois anos.
Remuneração: R$ 1.200,00
Inscrições: de 2 de março a 31 de maio pelo site do ADM&TEC

Prefeitura de Lagoa do Carro PE
São 10 vagas abertas em concurso público para guarda municipal, uma está reservada para deficientes. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais. A taxa de inscrição é de R$ 70,00.
Salário: R$ 998,00
Inscrições: até dia 15 de abril pelo site do IDHTEC


Prefeitura de Elias Fausto SP
São 3 vagas em para guarda civil municipal, sendo duas são para candidatos do sexo masculino e uma para candidatas do sexo feminino. É necessário possuir CNH na categoria A/B para tomar posse do cargo. A jornada de trabalho será de 44 semanais.
Salário: R$ 1.250,30, mais cesta básica e cartão no valor de R$ 200,00
Inscrições: até dia 5 de maio pelo site da SHDias Consultoria e Assessoria



sábado, 4 de abril de 2020

Concurso PF 2020: Cronograma vazou!!! Confira! as datas dos editais


 O documento foi criado e enviado ao governo como sugestão para o próximo concurso, partindo do princípio que seria autorizado em 25 de maio de 2020.

Um suposto cronograma do concursoda Polícia Federal (PF) vazou na sexta-feira, 27 de março, o que só a aumenta a expectativa de um novo edital. Porém, as datas publicadas não são oficiais, já que é necessário haver a publicação de um aval oficial para que isso aconteça.

O cronograma vazado é verdadeiro, segundo fonte da PF ouvida pela Folha Dirigida. Ele é uma proposta da própria PolíciaFederal elaborada pela Divisão de Gestão de Pessoas da corporação.

Ainda segundo a fonte, o documento foi criado e enviado ao governo como sugestão para o próximo concurso, partindo do princípio que seria autorizado em 25 de maio de 2020, conforme consta no próprio cronograma.

Contudo, todas as datas não estão definidas, essa incerteza também é consequência da pandemia causada pelo novo coronavírus, que já atrasou os preparativos e começo das inscrições de muitos concursos no país.

Veja as principais datas previstas pelo cronograma
Autorização – 25/05
Assinatura do contrato com a banca – 28/09
Publicação edital (agente e papiloscopista) – 05/10
Publicação edital (escrivão e delegado) – 22/11
Provas objetivas e discursivas (agente e papiloscopista) – 07/02
Provas objetivas e discursivas (escrivão e delegado) – 28/03
Exame de aptidão física (agente e papiloscopista) – 11/04
Exame médico (agente e papiloscopista) – 17/05
Preenchimento da ficha de informações confidenciais (agente e papiloscopista) – 18/05 a 25/05
Avaliação psicológica (agente e papiloscopista) – 24/05
Exame de aptidão física (escrivão e delegado) – 06/06
Perícia médica (agente e papiloscopista) – 27/06
Procedimento de heteroidentificação – 28/06
Exame médico (escrivão e delegado) – 11/07
Prenchimento da ficha de informações confidenciais (escrivão e delegado) – 12 a 19/07
Resultado da primeira etapa (agente e papiloscopista) – 21/07/2021
Prova oral (delegado) – 21 e 22/08/2021
Avaliação psicológica (escrivão e delegado) – 26/09
Perícia médica (escrivão e delegado) – 30/10/2021
Processo de heteroidentificação (escrivão e delegado) – 31/10/2021
Resultado final primeira etapa (escrivão e delegado) – 21/12/2021
Nomeação (agente e papiloscopista) – 27/12/2021

Quatro cargos foram confirmados
Uma informação nova trazida pelo cronograma é o que, com a exceção de perito, a Polícia Federal abrirá vagas para praticamente todas as carreiras da área policial, serão elas quatro: agente de polícia; escrivão; delegado; e papiloscopista.

Conforme o documento vazado, os editais, se autorizados, deverão ser divulgados em duas datas, sendo em para os cargos de agente e papiloscopista sairá em 5 de outubro e para escrivão e delegado deve deve ser publicado no dia 22 de novembro.

O documento ainda prevê aplicação de provas em fevereiro e março de 2021, exame físico em abril do mesmo ano e as nomeações previstas para agosto de 2022. Além disso, se mantidas as previsões, a assinatura do contrato com a banca deverá acontecer no segundo semestre, em setembro de 2020.

A quantidade de vagas ainda não foi confirmada, mas acordo com a PF, o aval poderá abrir mais de 3 mil oportunidades. O ajudaria a diminuir o grande déficit que existe na corporação. Confira os cargos previstos, os requisitos para ocupação e os salários correspondentes:

Agente – Nível superior em qualquer área + CNH – R$ 12.441,26
Escrivão – Nível superior em qualquer área + CNH – R$ 12.441,26
Papiloscopista – Nível superior em qualquer área + CNH – R$ 12.441,26
Delegado – Nível superior em Direito, experiência de três anos + CNH – R$ 23.130,48

quarta-feira, 1 de abril de 2020

Concurso TJM - MG: Inscrições suspensas e provas adiadas!


Concurso TJM - MG (Tribunal de Justiça Militar do Estado de Minas Gerais) oferta vagas para Técnico Judiciário e Oficial Judiciário e ainda formará cadastro.

Cargos, especialidades e remuneração
Para o nível médio, como dissemos, as chances são para Oficial Judiciário, nas especialidades de Oficial Judiciário (19 vagas), Assistente Técnico de Sistemas (1 vaga). Estes servidores do Judiciário mineiro vão receber remuneração inicial mensal de R$ 3.692,61.

Quem possuir graduação poderá disputar as vagas de Técnico Judiciário, nas especialidades de Técnico Judiciário (cadastro de reserva), Contador (1 vaga), Analista de Sistemas (1 vaga), Administrador de Rede (1) e Estatístico (1). A remuneração inicial é de R$ 5.782,78.
  



Adquira sua Apostila e saia na frente!


Confira alguns requisitos para participar
Em primeiro lugar, o candidato precisa, logicamente, ser aprovado no concurso TJM - MG e ter nacionalidade brasileira ou portuguesa, conforme a legislação. Além disso, é preciso:

Estar em gozo dos direitos políticos e civis e quite com as obrigações militares e eleitorais;
Ter a idade mínima de 18 anos completos e em gozo de boa saúde física e mental;
Apresentar certidões dos setores de distribuição dos foros criminais dos lugares que tenha residido nos últimos cinco anos;
Apresentar folha de antecedentes da Polícia Federal e da Polícia dos Estados onde tenha residido nos últimos cinco anos;
Apresentar certidões ou declarações negativas dos entes públicos em que tenha trabalhado nos últimos dez anos;
Apresentar certidões ou declarações negativas do conselho ou órgão profissional competente; e
Apresentar documentação que comprove a escolaridade requisitada para cada cargo.

Inscrições suspensas por causa do coronavírus

As inscrições seriam realizadas de 30 de março a 29 de abril de 2020, apenas via internet, através do endereço eletrônico da FUMARC.

Entretanto, por causa da pandemia do coronavírus, os registros foram suspensos temporariamente, conforme estabelece o comunicado oficial. Um novo cronograma será divulgado.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 70,00 ou de R$ 90,00, conforme o cargo pretendido.

O candidato que não tiver condições de acessar a internet poderá fazer sua inscrição na sede do Tribunal de Justiça Militar de Minas Gerais, na Rua Tomaz Gonzaga, 686, Lourdes, em Belo Horizonte, no horário de 9 às 17h, com exceção dos sábados, domingos e feriados.

Provas do concurso TJM - MG adiadas por causa do coronavírus

A FUMARC aplicará duas etapas de seleção: provas objetivas de múltipla escolha e prova de redação. Todas essas avaliações, além da perícia médica dos candidatos que se declararem com deficiência e a averiguação dos candidatos que se declararam negros (de cor preta ou parda), serão realizadas em Belo Horizonte.

O cartão contendo as informações da inscrição será disponibilizado para consulta e impressão pelo candidato no site da FUMARC e no período informado no edital.

A previsão de aplicação das provas (objetiva e de redação) seria no dia 31 de maio de 2020.

Mas, por causa da pandemia de coronavírus (Covid-19), elas foram adiadas conforme comunicado oficial! A nova data para aplicação das provas ainda não foi divulgada. O candidato precisa ficar atento ao site da banca organizadora para acompanhar o novo cronograma. Mais informações podem ser acessadas no site da organização.

As disciplinas cobradas nas provas serão as seguintes:

Cargo Disciplinas

Oficial Judiciário     
Língua Portuguesa, Noções de Direito, Noções de Informática e Redação (desenvolvimento de um texto dissertativo sobre tema contemporâneo)

Assistente Técnico de Sistemas      
Língua Portuguesa, Noções de Direito, Conhecimentos Específicos e Redação (desenvolvimento de um texto dissertativo sobre tema contemporâneo)

Técnico Judiciário   
Língua Portuguesa, Noções de Informática, Conhecimentos Específicos e Redação (desenvolvimento de um texto dissertativo sobre tema contemporâneo)

Analista de Sistemas,
Administrador de Redes, Contador e Estatístico     Língua Portuguesa, Noções de Direito, Conhecimentos Específicos e Redação (desenvolvimento de um texto dissertativo sobre tema contemporâneo)

Edital TJM MG
O edital, anexos e demais atualizações estão publicado no site da FUMARC. Você, candidato, não deve descuidar da leitura atenta desses documentos e do acompanhamento constante do certame.
O prazo de validade do concurso, inicialmente, será de dois anos, havendo, como de praxe, a possibilidade de prorrogação, a critério do TJM-MG.



Presidente Bolsonaro libera concurso EBSERH 2020 - 6.381 vagas Médio e Superior


Concurso EBSERH 2020 oferta 6.381 vagas para níveis médio, técnico e superior.

Atividades serão inteiramente relacionadas ao combate do coronavírus.

Foi publicado no Diário Oficial da União, desta quarta-feira, dia 1º de abril, o extrato do edital do novoconcurso da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (concurso EBSERH 2020). De acordo com o documento, serão ofertadas 6.381 vagas temporárias.


Ainda segundo o extrato, o edital de abertura deverá ser publicado até o fim da semana. O objetivo do certame é contratar profissionais para o combate e controle do novo coronavírus (Covid-19) no país.

De acordo com a Ebserh, as 6 mil contratações serão destinadas para 40 hospitais em todo o país. As regiões de lotação ainda não foram reveladas.

Vagas concurso EBSERH 2020
No dia 27 de março, o presidenteJair Bolsonaro comentou sobre a previsão de aberturas de vagas na área da saúde, por meio de concurso público.

“Os hospitais universitários vão receber mais de 6 mil profissionais da saúde, por concursos públicos e por contratações temporárias. Com isto, avançamos nas realizações diárias, ampliamos o quadro e nos preparamos para preservação de quem é do grupo de risco”, publicou.

As áreas contempladas exigem níveis médio, técnico e superior. As remunerações ainda serão confirmadas no edital de abertura das inscrições, que está previsto para ser divulgado no decorrer desta semana, até o dia 3 de abril.

Confira algumas oportunidades previstas:
900 vagas para médicos;
1.400 para enfermeiros;
3 mil para técnicos de enfermagem;
500 para fisioterapeutas;
100 para engenheiros e arquitetos.

“Estamos em um momento em que temos que nos dedicar ainda mais à nossa missão de cuidar. Somos a linha de frente no combate a uma pandemia mundial e a população brasileira depende de todos nós que atuamos na área da saúde”, declarou o presidente da estatal, Oswaldo Ferreira.

“A Rede Ebserh está fazendo a sua parte e o reforço de nosso contingente vai ao encontro das necessidades desse período tão delicado”, finalizou Ferreira.

Último concurso EBSERH – 2019
O último concurso EBSERH ocorreu em 2019. Na época, foram oferecidas 2.464 vagas, em diversos cargos de níveis médio, técnico e superior. 

As remunerações variaram de R$ 2.170,22 a R$ 10.350,56.